notícias

Fake News é ameaça em período eleitoral

1 de Fevereiro de 2018

Uma mentira revestida de artifícios que lhe conferem aparência de verdade tem se difundido cada vez mais, principalmente com o avanço da internet. As chamadas “Fake news” não são uma novidade na sociedade, mas a escala em que pode ser produzida é que a eleva em nova categoria, colocando em xeque todas as demais notícias, afinal, como podemos descobrir a falsidade de uma notícia?

O ano eleitoral no Brasil fez com que o tema ganhasse mais visibilidade, a exemplo eleições americanas, em 2016, que culminou na vitória de Donald Trump, passou a ser, inclusive, um assunto de preocupação por parte dos órgãos responsáveis pelo processo eleitoral no Brasil.

Estudo da Kantar, publicado em outubro de 2017 com 8 mil pessoas do Brasil, França, Reino Unido e Estados Unidos, mostra que nos quatro países estudados, 46% dos consumidores de notícias acreditam que as fake news tiveram impacto nos resultados de suas últimas eleições. No Brasil, 69% acreditam que este tipo de notícia tem impacto político, e, nos EUA, 47% acham que houve uma influência. Por outro lado, 44% deles acreditam que as audiências têm a responsabilidade de combater as fake news.

O cuidado as notícias falsas e com os boatos torna-se cada vez mais fundamental. Por isso, confirme sempre a autenticidade da informação que você leu antes de compartilhar um conteúdo. Dados e afirmações inverídicas podem manchar a reputação de pessoas e de organizações.

Quer saber o que o meio e mensagem escreveu sobre o assunto?  Confira a matéria completa aqui.



Compartilhe:

Gostou?
Também podemos fazer por você!

Entre em contato

W Comunica - Todos os direitos reservados - 2016