notícias

Fake News: má fé ou padrão social?

30 de agosto de 2018

As fake news são o mal do momento, especialmente porque atravessamos um ano eleitoral dos mais indefinidos que o Brasil já vivenciou. O meio digital é o ambiente perfeito para a propagação dessas notícias falsas. O engenheiro da área de TI, Augusto Pinto, faz um interessante questionamento no site da Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje): a propagação desses boatos é causada pelo má fé ou trata-se apenas de um comportamento social?

Ele também alerta para uma questão importante: há duas formas de lidar com as fake news. Se você é público, a palavra é verificar. Atualmente há vários sites especializados nesse tipo de serviço e uma rápida pesquisa online resolve a questão.

Mas, se você é parte de uma empresa envolvida em fake news, não pode ignorar esse tipo de acontecimento. Além da reação ao boato, é preciso manter um monitoramento constante do que é dito a respeito da empresa na internet e trabalhar constantemente a imagem de empresa com propósito. Há casos em que rir da situação é uma boa saída. O importante nesses casos, é avaliar com cuidado cada caso.

Essa avaliação deve ser feita por um comitê de crise, formado por membros do comando da empresa, comunicação, setor jurídico e todos os outros necessários para orientar o trabalho, conforme o perfil da empresa.

 

Leia na íntegra: https://bit.ly/2LznHuK

 



Compartilhe:

Gostou?
Também podemos fazer por você!

Entre em contato

W Comunica - Todos os direitos reservados - 2016